[ editar artigo]

Como gerar valor para o consumidor indo além de um bom produto

Como gerar valor para o consumidor indo além de um bom produto

Se você não sabe como gerar valor para o consumidor, esta palestra vai te fazer alcançar o sucesso nas plataformas, indo além de um bom produto.

Para finalizar com chave de ouro o dia de RECONEXÃO do 10º BHB Food, trouxemos a Head de Marketing da Desinchá, Patrícia Gravalos, para nos ensinar o que pode ser feito para gerar valor ao seu produto.  

A desinchá tem a missão de tornar a saúde simples e acessível através de hábitos e produtos que mudam a vida das pessoas. Assim, todas as táticas de marketing da empresa perpetuam essa missão, agregando valor para o consumidor e indo além de um bom produto. 

 

Formas de gerar valor

Existem várias formas de gerar valor para o consumidor, explica Patrícia. E existem vários pilares que constroem este valor, como o preço de produto, qualidade, benefício, e a produção de conteúdo, o qual o último está muito em alta. 

Produção de conteúdo

Quando pensamos em produção de conteúdo, eles podem ser classificados em três principais tipos:

  1. Conteúdo de entretenimento.

  2. Conteúdo de lifestyle.

  3. Conteúdo educativo.

A palestrante explica que o diferencial da Desinchá está na produção dos três tipos de conteúdo. 

Dentro da educação, a empresa possui uma plataforma de conteúdo online feita para o consumidor final denominada Desinchá Academy, e todo o conteúdo produzido é pautado na missão como empresa da Desinchá. Além deste, a empresa também conta com um canal do Telegram no sentido educativo. 

 

No conteúdo de entretenimento, a Desinchá conta com a produção de lives em diversos canais de comunicação, como instagram, youtube e linkedin, e, o foco deste conteúdo é tornar o dia do consumidor leve. 

 

Se tratando de conteúdo lifestyle, existe o Blog da Desinchá, onde são feitos materiais de dietas low carb, jejum intermitente, medição, entre outros, com o intuito de agregar esses conhecimentos ao estilo de vida do consumidor. 

 

O segredo, então, está em reconhecer as inúmeras plataformas existentes na atualidade, desde as mais recentes, como tik tok e telegram, até as mais usadas e conhecidas, como o instagram, e conseguir construir conteúdos que sejam coerentes com o que a plataforma entrega. 

 

“Cada uma delas tem sua característica específica, e tem um tipo de consumidor apto a receber conteúdo de uma forma diferenciada.” 

 

Produção de conteúdos: desafios

Com a pandemia, e consequentemente o isolamento social, diversas marcas, estabelecimentos e pessoas também começaram a produzir conteúdos. Assim,se faz necessário ter um diferencial entre tantos que começaram a produzir. 

 

Patrícia diz que a solução está em entender a missão de sua marca, e quais são os valores em que ela se apoia. Assim, os conteúdos serão genuínos, alinhados com o que sua marca acredita.

“Vai fazer sentido para o consumidor, estará inserido no storytelling que sua marca construiu ao longo de anos e, automaticamente, vai ser mais relevante, agregando valor intrínseco a sua marca.”

 

Qual o caminho para produção de conteúdo?

Patrícia explica que o caminho está em entender qual é o valor da sua marca, e entender como funciona cada plataforma individualmente. Para que assim encontre, dentro dessa infinidade de opções, qual é o lugar que mais se identifica com a marca.

 

Não deixe de conferir o evento do 10º BHB Food, estará disponível até 18 de novembro, clique aqui e assista!

Food Trends

Ler conteúdo completo
Indicados para você