Participe do universo BHB Food!

Faça sua conta e aproveite todos os recursos da nossa comunidade online. É rapidinho... ;)

Você não está logado, faça seu login.

Ainda não é cadastrado? Clique aqui

NOTÍCIAS

Rappi compra empresa brasileira Box Delivery e faz a maior aquisição de sua história

A companhia colombiana de delivery Rappi anunciou na última segunda-feira um acordo para a aquisição da empresa brasileira Box Delivery, que atua no “atacado” do setor de entregas de alimentos e produtos no país.

O valor acordado para a compra de 100% da Box não foi divulgado, mas a Rappi, uma companhia sem grande histórico de aquisições, confirmou que trata-se do maior negócio de sua história.

A Box foi fundada em 2016, em Santos (SP), e atua no serviço de logística de entregas para empresas, tendo como clientes Ultrafarma, Burger King, entre outras companhias.

“Com modelos de negócio complementares, as operações das duas empresas serão integradas gradualmente, enriquecendo sua expertise e seu time de especialistas”.

Rappi, em comunicado à imprensa.

O negócio, de acordo com a Rappi, também pode ajudar no crescimento do segmento de varejo da companhia colombiana que promete entregas em até 15 minutos.

Sebastian Mejia, presidente e um dos fundadores da Rappi, disse à Reuters que as conversas com a Box vinham desde o segundo semestre de 2022. “Não somos uma empresa que tem no DNA a cultura de fazer aquisições, a não ser que tenha oportunidade e as conexões, como encontramos com a Box”, afirmou o executivo.

A Box tem como um de seus investidores a gestora de shopping centers Aliansce Sonae, que agora vira sócia da Rappi com a aquisição, segundo Mejia.

Segundo ele, a Rappi, que atua em nove países da América Latina, vê o Brasil como um mercado prioritário. A companhia está em cerca de 140 cidades do país. “O que essa transação manifesta é nosso compromisso com o Brasil, vamos seguir investido”, disse ele, sem dar detalhes financeiros e citando um “momento muito especial” para o setor localmente.

O movimento da Rappi no país vem após acordo do rival iFood com o Tribunal do Conselho Administrativo de Defesa Econômica (Cade), fechado em fevereiro, que o impede de fazer pactos de exclusividade ou de adotar medidas contratuais que possam induzir exclusividade com redes de marcas que possuam pelo menos 30 lojas.

“(A decisão) só abre oportunidades de investimento para a gente”, afirmou ele, ponderando que a aquisição não tem uma relação direta com a medida do Cade, uma vez que as conversas com a Box já estavam ocorrendo.

Além disso, a transação também ocorre em momento desafiador para startups e empresas de tecnologia em geral, com dificuldade de captação de recursos e ondas de demissões globalmente. No setor de delivery de comida, Uber Eats deixou de fazer entregas de restaurantes no Brasil em 2022 e a 99Food anunciou no início deste ano fim das operações.

Fonte: Food Infomoney.

BHB TEAM

BHB TEAM

About Author

O BHB Food compartilha os temas mais atuais e relevantes sobre marketing, saúde e nutrição são apresentados por players renomados e engajados no mercado, disseminando conceitos e ideias inovadoras na construção de marcas saudáveis.

Deixe um comentário

Você pode gostar também

NOTÍCIAS

Nestlé lança mercado online em parceria com a Packk

A Nestlé, com o foco em ajudar os pequenos comerciantes de todo o país a montarem um e-commerce sem custo
NOTÍCIAS

Startup de Delivery Urbano cresce 10x durante a pandemia

A Foody Delivery, startup de logística automatizada, a qual oferece a pequenos estabelecimentos uma rede integrada de delivery, que pode