[ editar artigo]

Potencial da categoria de Suplementos no Varejo Alimentar e Farma

Potencial da categoria de Suplementos no Varejo Alimentar e Farma

O consumo de suplementos e vitaminas teve forte alta durante a pandemia. O destaque foi para uma grande demanda pelas vitaminas C, D e multivitamínicos, além de produtos para regular o sono.

 

Dados do Mercado Livre mostraram a categoria de suplementos entre as mais buscadas na plataforma. Igualmente, a consultoria Nielsen apontou o segmento de vitaminas entre os três com maior crescimento na cesta de alimentos do varejo nos últimos meses.

 

Um recente estudo da ABIAD (associação brasileira de alimentos para fins especiais) mostrou que 48% dos consumidores aumentaram o consumo de suplementos durante a pandemia, sendo que 70% desse público pretende manter o consumo depois da quarentena.

 

A diretora de marketing da Vitafor, Debora Dutra, afirma que com a chegada da pandemia, a empresa percebeu um aumento de novos consumidores. Aliás, estes novos clientes surgiram com um perfil diferente dos que já conversavam com a marca. Portanto, conclui-se que era o momento de ampliar nossa comunicação e estar mais próximos deste público.

 

"Tivemos de nos reinventar durante a crise e, felizmente, conseguimos acelerar diversos projetos que contribuíram para o desenvolvimento da marca e do negócio", finaliza Debora.

 

O objetivo da empresa é orientar o consumidor oferecendo produtos que atendem diferentes necessidades, desde o cuidado da imunidade até a prática de atividades físicas. Assim, todas as ações têm como objetivo a melhora da visibilidade da categoria na internet, lojas especializadas, farmácias e supermercados.

 

Fonte: Giro News.

Suplementos

Ler conteúdo completo
Indicados para você