Participe do universo BHB Food!

Faça sua conta e aproveite todos os recursos da nossa comunidade online. É rapidinho... ;)

Você não está logado, faça seu login.

Ainda não é cadastrado? Clique aqui

TENDÊNCIAS

Consumo de carne bovina cai 4% e da suína dobra em 2023

Devido à inflação e aos altos preços, o consumo de proteínas durante as refeições tem caído. Enquanto a retração no mercado de alimentos e bebidas foi de 6% no primeiro trimestre de 2023, em comparação com o mesmo período do ano anterior, a diminuição nas ocasiões de consumo de proteínas foi ainda maior, chegando em -9%.

A carne bovina aparece como a principal responsável pelo novo cenário, já que ocupava 43,1% do share de ocasiões no primeiro trimestre de 2021 e agora está com 39%. A trajetória de queda já era sinalizada no mesmo período de 2022, quando o consumo havia diminuído para 40,5%.

No caminho inverso está a carne suína, que passou de 4,6% para 7,6% e depois para 9,1% nos mesmos intervalos. As proteínas mais baratas, como salsichas e linguiças, que se destacaram em 2022, perdem importância na mesa dos brasileiros no curto prazo.

Já os peixes e frutos do mar demonstraram estabilidade de 2022 para 2023, apesar de terem sofrido uma queda entre 2021 e 2022. E as carnes de aves, que também sofreram retração de consumo em 2022 com a alta dos preços, agora se recuperam, passando de 25,9% do share para 28,6%. Produza um novo texto jornalístico, claro, objetivo, sem redundâncias e com título de 60 caracteres

Você também pode gostar disso:

Brasileiros: 89% querem sustentabilidade na alimentação

Fonte: Food Innovation

BHB TEAM

BHB TEAM

About Author

O BHB Food compartilha os temas mais atuais e relevantes sobre marketing, saúde e nutrição são apresentados por players renomados e engajados no mercado, disseminando conceitos e ideias inovadoras na construção de marcas saudáveis.

Deixe um comentário

Você pode gostar também

TENDÊNCIAS

DNA dos alimentos: A receita de sucesso para sua marca

Se o DNA é a receita genética de todos os seres, é claro que os alimentos também o possuem. Mas
TENDÊNCIAS

COVID-19 e a percepção do paladar e olfato na terceira idade: quais seriam os principais impactos?

Perdas nas sensibilidades ao paladar (ageusia) e olfato (anosmia) têm sido listadas entre os seis principais sintomas da COVID-19 e