[ editar artigo]

Marca de frango à base de plantas recebe aporte de US$ 20 milhões.

Marca de frango à base de plantas recebe aporte de US$ 20 milhões.

Tindle, uma startup frango à base de plantas, da foodtech de Singapura Next Genacaba, acaba de receber um aporte de US$ 20 milhões, elevando o montante do seu Seed para US$ 30 milhões, a maior rodada Seed para uma startup de proteína à base de plantas, segundo o PitchBook.

Os novos investidores incluem a GGV Capital, Bits x Bites, um fundo de tecnologia de alimentos e agrícola com base na China, que investe no mercado de proteínas alternativas, além dos investidores Yeo Hiap Seng e Chris Yeh. Os investidores já existentes incluem Temasek e K3 Ventures.

O financiamento será usado para impulsionar a entrada do TiNDLE no mercado americano nos próximos 12 meses. Os EUA são o maior mercado de carne vegetal do mundo e abrigam marcas líderes como Impossible FoodsBeyond Meat. É para onde as concorrentes latino-americanas do mercado de plant-based estão indo, como a Fazenda Futuro e a NotCo.

Com o investimento, a Next Gen também anunciou mudanças na equipe de liderança, com o alemão Timo Recker assumindo o cargo de chairman desde Singapura, o brasileiro Andre Menezes torna-se CEO, e Rohit Bhattacharya, que anteriormente era Diretor da Temasek, passa a ser CFO.

“Os Estados Unidos são o maior mercado do mundo de alimentos à base de plantas. Já estamos estabelecendo nossas bases no país para estar no mercado nos próximos 12 meses, à medida que aceleramos nossa meta de nos tornar o líder mundial da categoria de frango à base de plantas,” disse o cofundador e CEO Andre Menezes.

Lançado pela primeira vez em Singapura em março de 2021, a TiNDLE vende seus produtos em mais de 70 restaurantes no país, Hong Kong e Macau.

A empresa vai contratar mais de 50 funcionários nos EUA, em P&D, vendas, cadeia de suprimentos, finanças e marketing, para dar suporte ao seu lançamento local.

A TiNDLE também usará a extensão da rodada para uma expansão internacional na Ásia-Pacífico e no Oriente Médio, desenvolvendo sua tecnologia, estabelecendo um centro de pesquisa e desenvolvimento em Singapura e lançando novos produtos.

Fonte: Labs news.

Notícias

Ler conteúdo completo
Indicados para você